Dakila PesquisasNotíciasPesquisas

MÍDIAS PODRES – ACORDA BRASIL!

Você sabe o que falam do Brasil lá fora? Qual a imagem tentam passar do nosso país?

Há anos o Brasil é alvejado negativamente pelas mídias internacionais. Retratam o país como um lugar sem segurança, sem educação, sem condições sanitárias e sem saúde. Um perigo para os turistas e para os próprios brasileiros. Mas desde que pisam em solo nacional, os estrangeiros se deparam com um país próspero, um povo alegre que sabe lidar com adversidades e crises. Somos criativos, inteligentes, temos tecnologia, saúde e um futuro que muitos países considerados mais evoluídos, nunca terão!

Ultimamente o Brasil virou o epicentro da pandemia, mas a nossa realidade é bem diferente do que tentam noticiar. O vírus invisível, tentou esconder as jogadas políticas e os interesses da própria mídia brasileira, que bombardeia os canais com tudo de mais negativo. Será que existe limite para essas manipulações?

As mídias mais usadas como Whatsapp, YouTube, Facebook, Instagram e Twitter limitaram, tiraram informações, aliás, opiniões contrárias ao discurso de derrota que querem fazer a população acreditar. O resultado foi bem diferente do que imaginavam. Nossos celulares viraram as testemunhas oculares das mentiras e massacres que estamos sofrendo, mas ninguém pode calar uma população desperta e unida!

Na era da informação nunca tivemos tanta contra informação. E eis que surgem as agências de Fake News. Com a alegação do perigo das falsas notícias, eles se julgam os donos da verdade e tentam sobrepor interesses à realidade.

Quem decide o que é Fake ou Fato? Se você pesquisar verá que são os mesmos que querem sucatear nossa imagem e nosso país lá fora. Vamos acordar Brasil!

Vídeos Relacionados:

Quem Lucra com o Covid-19?
https://youtu.be/kvq8PZSGOCo

A Guerra da Informação – A 3ª Guerra Mundial
https://youtu.be/7NG2A5RLdfY

Cavalo de Tróia Chinês
https://youtu.be/GvH19lYmnmw

Siga nossas mídias sociais para mais conteúdo:
Facebook (português)Facebook (inglês)InstagramTwitter e Youtube.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *